Nova cepa da Covid está presente em 70% dos casos com maior carga viral no Paraná


A Fundação Oswaldo Cruz divulgou nesta quinta-feira que há no Paraná e em várias regiões do País variantes do novo coronavírus em plena circulação. No Estado, segundo o estudo, 70% das 216 amostras com grande carga viral enviadas para a instituição estão relacionadas à variante P1, identificada no Amazonas. O novo protocolo, desenvolvido pela Fiocruz Amazônia, foi utilizado nas unidades de apoio ao diagnóstico para avaliação de cerca de mil amostras nos estados de Alagoas, Ceará, Minas Gerais, Pernambuco, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. A avaliação contou com o apoio do Ministério da Saúde.


Também foram identificadas as variantes encontradas no Reino Unido e na África do Sul, porém não estão presentes de forma expressiva no Brasil. O estudo foi elaborado pelo Observatório Covid-19 Fiocruz.


Fonte: Aerp

8 visualizações0 comentário