Morte de adolescente de 16 anos em motel do Paraná teria sido causada por edema pulmonar

AA adolescente Lívia Izabel Zanetoni, de 16 anos, que morreu após hemorragia em um motel em Pinhais, Região Metropolitana de Curitiba, teria sofrido um edema pulmonar. A informação é do advogado Igor Ogar, que defende Lucas Nascimento de Carvalho, de 29 anos, suspeito pela morte da menina.



“Tivemos informações de que a causa da morte foi relacionada a um edema pulmonar e aguardamos novos laudos periciais para obter mais informações”, disse o advogado em entrevista à Banda B. Os resultados dos exames do Instituto Médico Legal (IML) podem demorar até 60 dias para serem concluídos e o que de fato provocou a morte de Lívia ainda não foi confirmado oficialmente.

Os pais da garota prestaram depoimento sobre o caso à Polícia Civil, nesta segunda-feira (25). O inquérito que investiga a morte segue em andamento.

124 visualizações0 comentário