• Redação da Rádio Nova Era

COVID-19 - Saúde registra 26 mortes e mais 1.315 pessoas infectadas


A Secretaria de Estado da Saúde informa que o Paraná tem 103.928 casos confirmados de Covid-19 e 2.662 mortes em consequência da infecção. O aumento de sábado (15) para domingo (16) foi de 1.315 diagnósticos positivos e 26 óbitos pelo novo coronavírus. Há ajustes nos casos confirmados detalhados ao final do texto.


INTERNADOS – 1.097 pacientes com diagnóstico confirmado de Covid-19 estão internados. Destes, 851 ocupam leitos SUS (405 em UTI e 446 em leitos clínicos/enfermaria) e 246 leitos da rede particular (103 em UTI e 143 em leitos clínicos/enfermaria).


Há outros 1.075 pacientes internados, 489 em leitos UTI e 586 em enfermaria, que aguardam resultados de exames. Eles estão em leitos das redes pública e particular e são considerados casos suspeitos de infecção pelo vírus Sars-CoV-2.


ÓBITOS – A secretaria informa a morte de 26 pacientes. Todos estavam internados. São nove mulheres e 17 homens com idades que variam de 39 a 89 anos. As mortes ocorreram entre oito e 16 de agosto.


Os pacientes residiam em Curitiba (14), Colombo (2), Telêmaco Borba (2). Além destes óbitos, uma morte foi registrada em cada um dos seguintes municípios: Andirá, Araucária, Foz do Iguaçu, Londrina, Rancho Alegre, Rio Branco do Sul, São José dos Pinhais e São Sebastião da Amoreira.


FORA DO PARANÁ – O monitoramento da secretaria estadual registra 1.176 casos de pessoas que não moram no Estado. Destas, 29 morreram.


AJUSTES – Exclusões: Um caso confirmado no dia 01/6 em Curitiba foi excluído por duplicidade de notificação. Um caso confirmado no dia 14/8 em Maringá foi excluído por duplicidade de notificação.


Confira o boletim AQUI

2 visualizações

Av. Paraná, 540 - Centro

Borrazópolis - Paraná

WhatsApp:

(43) 9 9981-6178

Fixo (PABX):

(43) 3452-1233

Comercial:

(43) 9 9639-3516

  • Facebook ícone social
  • Instagram
  • Twitter

RÁDIO NOVA ERA AM 540 | Uma emissora do Sistema Nova Era de Comunicação
Direção: Valdinei Del Grande | Site: Eduardo Pasqualin