Arnaldo Jabor morre aos 81 anos em São Paulo


O cineasta, cronista e jornalista Arnaldo Jabor, de 81 anos, morreu na madrugada desta terça (15) em São Paulo.


Ele estava internado desde dezembro do ano passado no Hospital Sírio-Libanês, na região central da cidade.


Jabor havia sido hospitalizado após sofrer um acidente vascular cerebral (AVC). Segundo a família, ele faleceu por volta da meia-noite, em decorrência de complicações do AVC.


Além de jornalista e cineasta, Arnaldo Jabor também publicou livros como Pornopolítica, em 2006, Amigos Ouvintes, em 2007 e O Malabarista, em 2014. Ainda este ano, Jabor mantinha uma coluna no Jornal da Globo, onde continuava a tecer comentários sobre diversos temas, mas falava principalmente sobre política – abordando agora, notadamente, os passos erráticos e os arroubos autoritários do governo Bolsonaro. Arnaldo Jabor deixa três filhos: João Pedro, Juliana e Carolina Jabor – esta última, cineasta como o pai.

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo